by

Where communities thrive


  • Join over 1.5M+ people
  • Join over 100K+ communities
  • Free without limits
  • Create your own community
People
Repo info
Activity
    Luiz Rocha
    @lsdr
    o único problema seria, uma vez que mudar de rede, ajustar o Gateway...
    Willian Fernandes
    @willian
    @lsdr estou usando essa tb... Mas estou apanhando para fazer o bootstrap de uma app rails sem ter que instalar o rails no meu mac, gerar a app, e depois só usar o container para rodar a app...
    Everton Ribeiro
    @nuxlli
    @lsdr era isso que fazimaos originalmente, mas é justamente o que da problema, a coisa mais comum é você conectar em um local, levantar o azk agent e depois mudar de rede
    é preciso instrumentar melhor o azk para conseguir "descobrir" essas coisas, e ainda sim não tem solução fácil, porque teria que passar por todos os containers alterando o /etc/resolv.conf, o que não é uma funcionalidade nativa do Docker
    @willian para isso contamos com a opção --image do azk shell
    va para a pasta onde você quer gerar a aplicação, rode azk shell --image=rails por exemplo
    o azk vai baixar a imagem rails se você ainda não a tiver (a parte ruim que o azk shell esta com um bug que não mostra que isso esta acontecendo, as vezes parece ter travado, @lucasfais esta corrigindo isso)
    com esse shell você vai obter um container onde tem rails e a pasta onde foi executado o comando vai esta automáticamente "shareada", bata usar o rails new depois você finaliza com exit entra na pasta da aplicação e da um azk init, \o/
    Luiz Rocha
    @lsdr
    @nuxlli dãh, sim, faz todo o sentido do mundo. Eu entendi o problema, mas pensei na solução exatamente contrária. :-)
    @willian vc está trabalhando com sua app inteira no azk? Ainda não acertei meu fluxo de trabalho para isso... talvez precise mergulhar um pouco mais na ferramenta.
    Willian Fernandes
    @willian
    @nuxlli perfeito!
    @lsdr ainda não... por enquanto uso Vagrant para tudo. Já faz 2 anos que não tenho nada de projetos instalados no mac... Estou querendo mudar o fluxo todo de Vagrant para azk
    Willian Fernandes
    @willian

    miguxos, um help:
    Se eu entro via azk shell e rodo a app, tudo funciona: https://www.dropbox.com/s/1nv628h4edjwawt/Screenshot%202015-02-14%2016.56.32.png?dl=0
    Mas se eu levanto pelo comando azk start da merda: https://www.dropbox.com/s/5rjunn8qqm2l9t8/Screenshot%202015-02-14%2016.57.22.png?dl=0

    Alguém sabe pq?

    Gullit Miranda
    @gullitmiranda
    Pensei em dois possíveis motivos @willian:
    1. o bind não estar dando certo.
    2. está dando timeout. tente amentá-lo. No proximo release esse erro vai ser mais bem descrito quando acontecer.
    Willian Fernandes
    @willian
    @gullitmiranda valeu, vou tentar... Sobre o bind, o que posso fazer?
    não rolou, mudei isso: {"retry": 20, "timeout": 1000} para isso: {"retry": 200, "timeout": 10000}
    Gullit Miranda
    @gullitmiranda
    nem com esse timeout não funcionou?
    Willian Fernandes
    @willian
    não
    Everton Ribeiro
    @nuxlli
    @willian deve ser mesmo bind
    tente forçar com bundle exec rails server -P /tmp/rails.pid -p $HTTP_PORT -b 0.0.0.0
    ele pode estar fazendo bind na interface de loopback
    Willian Fernandes
    @willian
    @nuxlli :clap: agora sim!
    Willian Fernandes
    @willian
    agora, minha única dúvida é como fazer o banco de dados postgresql persistir os dados. Pq toda vez que levanto as VMs preciso rodar rake db:create db:migrate. Alguém sabe como?
    Gullit Miranda
    @gullitmiranda
    @willian poderia me passar a estrutura do seu Azkfile.js para saber qual imagem e mounts que vc definiu?
    Willian Fernandes
    @willian
    Willian Fernandes
    @willian
    outra coisa, como vcs estão fazendo para rodar comandos na VM sem ter que entrar na VM via azk shell?
    por exemplo, quero rodar os testes...
    achei no docs, azk shell api -c rspec . ;)
    Gullit Miranda
    @gullitmiranda

    Estranho @willian, seu sistema de postgres está com o banco de dados persistindo em /var/lib/postgres.
    Reparei na que na imagem que você está usando o caminho dos dados é: /var/lib/postgresql/data.
    https://github.com/docker-library/postgres/blob/baf80692b5ddd6a5b96876aed7d4b3046ced62ab/9.3/Dockerfile#L43

    Não entendi muito bem. Você diz executar comandos em algum contêiner?
    Se estiver certo o que entendi, nós usamos o shell mesmo.
    Exemplo: azk shell -c ‘grunt deploy’

    Willian Fernandes
    @willian
    pois é... vc aconselha usar alguma outra imagem para postgress? Tentei usar a que o azk init recomendou (wyaeld/postgres) mas não levanta o container.
    Gullit Miranda
    @gullitmiranda
    Um problema sério isso @willian, aparetemente a imagem wyaeld/postgres foi removida, vou providenciar a nossa para evitar que esse problema torne a acontecer. Assim que estiver pronta te envio o link.
    Willian Fernandes
    @willian
    show! valeu @gullitmiranda
    @nuxlli alguma novidade sobre o binStubs? ;)
    to pensando em alguma forma de criar "alias" locais, então se entro no diretório do projeto (ou onde o Azkfile.js está) e rodo algo como: bundle install, rspec {file}, etc, o alias traduz para azk shell -c{{comando}}`
    Everton Ribeiro
    @nuxlli
    @willian esta no topo de prioridade, só esta abaixo do que estamos fazendo agora, que é corrigir problemas de sync de arquivos com a máquina virtual, e um problema de swap (as vezes quando é muita gem o bundle estoura por problemas de memoria)
    vamos lançar uma versão 0.10.0 com essas correções, acredito que o binStubs sai na próxima :D
    Willian Fernandes
    @willian
    show!
    Everton Ribeiro
    @nuxlli
    nos mesmo estamos sentido falta deles, e o @lsdr também \o/
    Willian Fernandes
    @willian
    enquanto isso vou tentar me adaptar aqui
    Gullit Miranda
    @gullitmiranda
    @willian: imagem de postgres pronta:
    http://images.azk.io/#/postgres
    Dlani
    @dlanileonardo
    @gullitmiranda legal! Vlw man.
    Dlani
    @dlanileonardo
    @gullitmiranda comigo está dando esse erro aqui FATAL: could not access private key file "/etc/ssl/private/ssl-cert-snakeoil.key": Permission denied, dei uma googlada e achei uns workarounds, mas não acho uma solução elegante.
    Willian Fernandes
    @willian
    Valeu @gullitmiranda. Vou testar ;)
    Gullit Miranda
    @gullitmiranda
    @dlanileonardo esse erro acontece quando você tenta executar qual comando?
    Dlani
    @dlanileonardo

    Opa! @gullitmiranda comando azk start mesmo:

    dlani•projetos/rails/msmm-bundle-web(master⚡)» azk start [20:31:00]
    azk: ↑ starting postgres system, 1 new instances...
    azk: ✓ checking azukiapp/postgres:9.4 image...
    azk: ◴ waiting start postgres system, try connect port data/tcp...
    azk: Run system postgres return: (1), for command: /usr/local/bin/run:
    azk: Setting LOCALE to en_US.UTF-8
    azk: Generating locales...
    azk: en_US.UTF-8... up-to-date
    azk: Generation complete.
    azk: 2015-02-18 22:31:04 UTC [69-1] ERROR: role "azk" already exists
    azk: 2015-02-18 22:31:04 UTC [69-2] STATEMENT: CREATE USER azk WITH SUPERUSER;
    azk:
    azk: 2015-02-18 22:31:05 UTC [73-1] ERROR: database "msmm_development" already exists
    azk: 2015-02-18 22:31:05 UTC [73-2] STATEMENT: CREATE DATABASE msmm_development OWNER azk TEMPLATE DEFAULT;
    azk:
    azk: 2015-02-18 22:31:05 UTC [74-1] FATAL: could not access private key file "/etc/ssl/private/ssl-cert-snakeoil.key": Permission denied

    azk: Due to the above error azk will stop all instances already begun.

    Eu uso Ubuntu 14.04 e meu Docker é 1.3.3
    Gullit Miranda
    @gullitmiranda
    Ok. Vou fazer alguns testes aqui.
    Dlani
    @dlanileonardo
    Testei com as duas releases. :)
    Beleza to testando também, vendo o que pode ser qualquer coisa eu informo. Vlw!
    Gullit Miranda
    @gullitmiranda
    @dlanileonardo problema resolvido.
    O erro acontecia por causa que o usuário postgres não possui acesso a pasta /etc/ssl/private/.
    Isso foi resolvido. Dentro de instantes o docker encerra o build do dockerfile corrigido. Após isso só atualizar em sua maquina e limpar os dados da versão anterior:
    $ adocker pull azukiapp/postgres:9.4
    $ azk shell postgres
    # rm -rf $POSTGRESQL_DATA
    # exit